Arquidiocese de Maceió | Igreja Missionária e Samaritana

Arquidiocese de Maceió | Igreja Missionária e Samaritana

Notícias / Arquidiocese

27/01/2018 02h21

Testemunhos marcam festividade de Senhora Sant’Ana, em Santana do Mundaú

No domingo (21), procissão e bênção do Santíssimo finalizaram a festa da padroeira

Thiago Aquino / Pascom Mundaú
Santana do Mundaú celebrou a festa da padroeira

Com o tema “Cristãos leigos e leigas sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do reino”, a Festa de Senhora Sant’Ana, padroeira de Santana do Mundaú, foi realizada tradicionalmente no início do ano. O novenário contou com depoimentos de paroquianos sobre a experiência pastoral na comunidade. A procissão e a bênção do Santíssimo encerraram o festejo no domingo (21).

A cada dia do novenário, desde o dia 12, um fiel participou da celebração compartilhando a sua experiência enquanto paroquiano e evangelizador na comunidade. Na sexta-feira (19), foi a vez de Maciel Barbosa, membro da Sociedade de São Vicente de Paulo, falar um pouco da sua caminhada.

“O novenário de Senhora Sant'Ana foi uma experiência muito rica e produtiva para a comunidade, porque pudemos conviver e compartilhar, junto com os demais, um pouco da nossa história de caminhada”, diz Maciel. “A festa terminou, mas acredito que ficou em cada fiel um ensinamento a ser seguido. E, assim como Jesus nos ensina, somos convidados a sermos uma Igreja em saída”.

A participação das comunidades rurais também manteve a Matriz cheia durante os festejos. Maria José, da comunidade Nossa Senhora Aparecida, no Sítio Barro Branco, se identificou com o tema – que é inspirado no Ano Nacional do Laicato – e garante que servir a Jesus é motivo de alegria. “Só em falar em Jesus Cristo já é uma benção muito grande. Me sinto muito feliz participando da Igreja e tenho muitos motivos e muitas graças alcançadas para agradecer a Jesus e a intercessão de Santa Ana, que além de avó, a considero uma madrinha”, afirma.

Durante as nove noites, os católicos mundauenses e visitantes puderam participar de Missa, quermesse, batizado, cavalgada, leilão de animais e procissão luminosa. No dia 15, dez jovens e adultos receberam a primeira comunhão. A Missa foi presidida pelo padre Adan Mauricio, da Arquidiocese de Aracaju, momento de alegria para quem recebeu o sacramento pela primeira vez. “Uma emoção muito grande receber Jesus na Eucaristia e agora é a uma nova missão: segui-lo e proclamar o Seu nome, fazendo com que mais jovens busquem colaborar com os trabalhos da Igreja”, frisa Jorge Henrique.

A iniciativa da exposição dos testemunhos dos paroquianos durante o novenário foi do próprio administrador paroquial, padre Givaldo Rocha de Santana. “Refletimos sobre a missão do leigo e da leiga na Igreja e no mundo, através do documento 105 da CNBB, trazendo aos participantes da novena testemunhos de pessoas que entenderam, cada um a seu modo, de como podem viver o Evangelho”, explica o sacerdote. “Foram momentos enriquecedores para todos nós. Pudemos contemplar a beleza da Igreja a partir de seus membros”.

Dia Solene

A Missa Solene, no domingo (21), foi presidida pelo padre Josemildo Santos, coordenador da Área Pastoral Vale do Mundaú e administrador da Paróquia São José da Laje. À tarde, a procissão solene levou uma multidão às ruas cidade, que foi finalizada com a bênção do Santíssimo. 

O desencerramento da bandeira foi na segunda-feira 22) com a Missa de Agradecimento.

Sem comentários! Seja o primeiro!!!
Deixe seu comentário

ARQUIDIOCESE DE MACEIÓ | Igreja Missionária e Samaritana

Pastoral da Comunicação Cúria: (82) 3223-2732 ou 3021-4001 (07h30 às 14h) Gabinete do Arcebispo: (82) 3326-2321 (8h às 12h) PASCOM: (82) 3326-5458 (8h às 14h) Av. Dom Antônio Brandão, 559 – Farol 57051-190 Maceió – AL