Arquidiocese de Maceió | Igreja Missionária e Samaritana

Arquidiocese de Maceió | Igreja Missionária e Samaritana

Notícias / Arquidiocese

01/12/2016 13h45

Arcebispo de Maceió diz que aborto é um crime brutal e dilacerador

Dom Antônio reforça nota emitida pela CNBB contra o aborto diante da decisão do STF

Da Redação
Foto: Carlos Roberto/Pascom Maceió

A presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apresentou, nesta quinta-feira (01), uma nota oficial na qual reafirma a posição da Igreja de “defesa da integralidade, inviolabilidade e dignidade da vida humana, desde a sua concepção até a morte natural”.

Dom Antônio Muniz Fernandes, em unidade com toda a Igreja, reforça sua opinião que sempre foi e será de defender a vida. O arcebispo disse ainda que o aborto é um crime horrendo e dilacerador. “Esta pratica já foi abolida no Brasil. Reflitamos: quem escuta e defende um inocente? Aborto é crime! E brutalmente contra um inocente indefeso”.

Leia a nota da CNBB na íntegra:


NOTA DA CNBB EM DEFESA DA VIDA

               “Propus a vida e a morte; escolhe, pois, a vida ” (cf. Dt. 30,19)

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB, por meio de sua Presidência, manifesta sua posição em defesa da integralidade, inviolabilidade e dignidade da vida humana, desde a sua concepção até a morte natural (cf. Constituição Federal, art. 1°, III; 3°, IV e 5°, caput).

A CNBB respeita e defende a autonomia dos Poderes da República. Reconhece a importância fundamental que o Supremo Tribunal Federal (STF) desempenha na guarda da Constituição da República, particularmente no momento difícil que atravessa a nação brasileira. Discorda, contudo, da forma com que o aborto foi tratado num julgamento de Habeas Corpus, no STF.

Reafirmamos nossa incondicional posição em defesa da vida humana, condenando toda e qualquer tentativa de liberação e descriminalização da prática do aborto.

Conclamamos nossas comunidades a rezarem e a se manifestarem publicamente em defesa da vida humana, desde a sua concepção.

Nossa Senhora, Mãe de Jesus e nossa Mãe, interceda por nós, particularmente pelos nascituros.

                                           Brasília, 1º de dezembro de 2016

                                                  Cardeal Sergio da Rocha
                                                  Arcebispo de Brasília-DF
                                                     Presidente da CNBB

                                                    Dom Murilo S. R. Krieger
                                              Arcebispo de São Salvador-BA
                                                   Vice-Presidente da CNBB

                                                   Dom Leonardo Ulrich Steiner
                                                   Bispo Auxiliar de Brasília-DF
                                                     Secretário-Geral da CNBB

1 Comentário
Deixe seu comentário
Enviado por ir. valdirene Filha da Caridade às 01h34 do dia 02/12/2016

O aborto além de ser um crime brutal é um ato covarde. Pois, nao se pode tirar vidas inocentes... é inconcebível que a sociedade aceite este intolerante e desprezível conjonto de textos compostos de absurdas informaçoēs que induz a matar, o dom da vida, enquanto tenta proteger os ovos de tartarugas... precisamos reagir a essa barbaridade.

ARQUIDIOCESE DE MACEIÓ | Igreja Missionária e Samaritana

Pastoral da Comunicação Cúria: (82) 3223-2732 ou 3021-4001 (07h30 às 14h) Gabinete do Arcebispo: (82) 3326-2321 (8h às 12h) PASCOM: (82) 3326-5458 (8h às 14h) Av. Dom Antônio Brandão, 559 – Farol 57051-190 Maceió – AL